WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Sindmepa Informa – 10.08.2014

0

CONGRESSO MÉDICO AMAZÔNICO

O Sindmepa participará do XVII Congresso Médico Amazônico, maior evento da saúde do norte-nordeste do Brasil. Duas conferências serão realizadas pelo Sindicato, com os temas: “Saúde do Profissional da Saúde” e “Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração do Município e Estado”, duas mesas redondas também serão organizadas pelo Sindmepa com os temas: “Precarização do vínculo do trabalho médico. Como se defender nesta política de terceirização de serviços de RH na saúde” e “Dez anos de CBHPM 2003/2013 – O que avançou?” Ao final de cada palestra, um smartphone será sorteado entre os presentes e após a conferência sobre Saúde do Profissional de Saúde, um tablete. O Congresso Médico Amazônico acontece entre os dias 14 e 17 de agosto, no Hangar.

SEGURANÇA

Voltaram a acontecer assaltos aos colegas médicos da casa de Saúde da Família do Barreiro I. Após uma médica ser sequestrada no estacionamento do local, outro episódio de violência aconteceu nesta unidade. Desta vez, um assalto à equipe do ESF que fazia uma visita domiciliar. O Sindmepa vai continuar cobrando segurança nas unidades municipais de saúde da Sesma e da Prefeitura e nas imediações do governo do estado e SEGUP, pois é inadmissível que agora, além das precárias condições de trabalho e remuneração indigna, tenhamos que nos preocupar com a segurança pessoal do profissional da saúde.

UPA – CIDADE NOVA

O Sindmepa encaminhou ofício ao secretário municipal de saúde de Ananindeua cobrando os plantões em atraso dos meses de maio e junho deste ano e os feriados de natal e ano novo realizados pelos médicos da unidade no ano passado. A demora no pagamentos é tanta que existe a possibilidade dos profissionais iniciarem triagem para atendimento apenas dos casos de risco de morte. Depois não sabem porque perdem a credibilidade e não conseguem médicos para trabalhar.

HPSM DO GUAMÁ

Denúncias gravíssimas chegam ao Sindmepa dando conta de que, no pronto socorro do Guamá, pacientes com doenças altamente contagiosas, inclusive tuberculose, ficam internados por dias nos corredores e hall de acesso aos elevadores do hospital. Submetendo os demais pacientes e o corpo de funcionários ao risco de contágio. O informante disse ainda que a direção estaria adaptando uma sala para enfermaria em frente ao refeitório dos funcionários para estes pacientes. Era o que faltava!

CAOS NA SAÚDE

Um comunicado posto na parede do hospital municipal de urgência e emergência de Marabá tem chamado a atenção de médicos e pacientes do local para o caos que a saúde tem vivido. O pedido é para que os médicos solicitem a realização de exames laboratoriais “somente em caso de urgência” devido ao baixo estoque de insumos. Ou seja, em um serviço de urgência/emergência, só pedir exame de urgência é um atestado de incompetência.

LACEN

O Sindmepa visitou o Laboratório Central do Estado do Pará – Lacen, esta semana, a convite da Sespa, e pôde comprovar, em relação ao último relatório de visita realizada em 2010, as melhorias executadas e a evolução experimentada como um laboratório estadual de referência, prestando serviços que realmente respaldem a política de saúde em seu planejamento no estado, baseados nos recursos epidemiológicos de vigilância sanitária apresentados. Ainda há muito o que evoluir nesta área e precisa apresentar trabalhos científicos com seus resultados.

 

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará