WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Sindmepa Informa – 05.10.2014

0

SEM SEGURANÇA

Mais um caso de violência em unidade de saúde foi registrado em Belém, na semana que passou. Um paciente foi executado ao ser atendido por uma psicóloga dentro do consultório da unidade. Já pedimos mais segurança nas instalações de saúde da capital, mas até agora não se vê ações concretas da Prefeitura no sentido de garantir a proteção de profissionais de saúde que atuam nessas unidades. Não só médicos, mas outros profissionais estão submetidos a situações de risco, como é o caso da psicóloga que saiu da unidade em estado de choque. Até quando vão esperar para colocar a Guarda Municipal, ou outra forma qualquer de segurança, a serviço da população?

POSSE

Tomou posse no último dia 1º no Conselho Federal de Medicina, representando o Pará, o médico Hideraldo Cabeça, ex-diretor do Sindmepa, eleito junto com a médica sindicalizada Léa Rosana para um mandato de cinco anos. Hideraldo ocupará a vaga deixada pelo também diretor do Sindmepa, Waldir Cardoso, que representou o Pará junto ao Conselho, com muita honradez e competência, nos últimos cinco anos. Nossos agradecimentos ao excelente trabalho desenvolvido pelo dr. Waldir e votos de sucesso ao novo conselheiro.

ELEIÇÕES

Neste domingo os brasileiros irão às urnas para a escolha dos novos representantes, nas Assembleias Legislativas, Câmara Federal e Senado da República. Escolherão também os novos Governadores e Presidente da República. O Sindmepa lembra aos médicos que é muito importante considerar na hora do voto aqueles candidatos comprometidos com as bandeiras de luta da nossa categoria, que sempre se traduz em melhora na política de saúde pública.

BACHARELADO EM MEDICINA

Mais um golpe do atual Governo contra a profissão médica. A Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres), do Ministério da Educação, libera em portaria publicada recentemente, a abertura de 420 vagas em cursos de bacharelado em medicina em oito instituições federais de educação superior pelo interior do País.

EBOLA

Sinal de alerta para os médicos brasileiros: o primeiro caso confirmado de paciente contaminado pelo vírus ebola nos EUA, deve deixar de prontidão as autoridades sanitárias para intensificar o controle da imigração nos aeroportos do território nacional. Como sabemos, esta doença é gravíssima e leva a óbito 80% dos pacientes doentes.

DIREITO DO CONSUMIDOR

Alguns membros de comissões de defesa do direito do consumidor defendem a obrigação do médico de atender pacientes de planos de saúde (inadimplentes com honorários médicos) que necessitam de consulta e/ou procedimentos médicos eletivos. Nós insistimos que este continua sendo um país livre de escravidão e que nenhum cidadão está obrigado a trabalhar sem a remuneração devida, inclusive médicos.

 

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará