WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Cai número de fumantes em Belém, aponta relatório da Sespa

0

Dados do relatório da Comissão Estadual de Controle do Tabagismo, vinculada à Sespa, apontam redução pela metade no número de fumantes em Belém, entre 2006 e 2013, período em que o Estado aderiu à política nacional de controle do tabagismo. Em 2006, 14% da população da capital paraense era fumante, caindo para 7,7% a prevalência de fumantes em 2013. O relatório aponta ainda que o hábito de fumar ainda tem maior prevalência entre a população masculina, atingindo 10,9% dos homens e 5,6% das mulheres.

O Estado do Pará aderiu há mais de 20 anos ao Programa de Controle do Tabagismo, através de campanhas educativas e divulgação do programa, intensificando ações a partir de 1999, quando os municípios do Estado passaram a ser capacitados pela Secretaria de Estado de Saúde (Sespa), para desenvolver ações antifumo.

O médico Helio Franco, ex-secretário de Saúde do Estado, expôs os dados em reunião no Sindmepa, nesta semana. De acordo com o relatório da Comissão Estadual, a queda progressiva no número de fumantes na capital acompanha a implementação da Política Nacional de Controle do Tabagismo.

Considerado uma doença pandêmica, o tabagismo representa um dos mais graves problemas de saúde pública do mundo e a nicotina cria uma dependência química e psicológica. Estima-se que o tabaco mata cerca de 6 milhões de pessoas em todo o mundo por ano. Somente no Brasil são registradas cerca de 200 mil mortes por ano em decorrência do fumo. O Sindmepa apoia e é parceiro de ações de controle do tabagismo que procuram proporcionar saúde à população paraense e combater um dos principais causadores do câncer de pulmão em todo o mundo.

 

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará