WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Médicos de Santarém discutem criação de cooperativa

0

A constituição de uma cooperativa médica, em Santarém, para solucionar os problemas da precária relação trabalhista entre a categoria e a Prefeitura Municipal foi uma das decisões da assembleia geral dos médicos, realizada nesta quarta-feira, no município.

Cerca de 25 médicos compareceram à convocação do Sindmepa, representado pelo diretor Waldir Cardoso, que dirigiu os trabalhos ao lado do delegado sindical Júnio Aguiar Azevedo. A decisão de fundar uma cooperativa de trabalho pode por fim à pejotização nas relações trabalhistas entre médicos e a prefeitura municipal, que não garante direitos básicos aos médicos como estabilidade no emprego, carteria assinada, férias e décimo terceiro salário.

Waldir Cardoso com residentes do hospital municipal

Waldir Cardoso com residentes do hospital municipal

A cooperativa iria formalizar a relação trabalhista e garantir direitos básicos dos profissionais no município. “Com a relação de trabalho precarizada, os valores de remuneração estão defasados, há atrasos de pagamentos além de problemas sérios de insumos no hospital”, disse Waldir Cardoso. Para analisar a constituição da cooperativa foi eleita uma comissão de trabalho. A cooperativa poderia agrupar não só os médicos que trabalham no hospital municipal, mas todos os cerca de 250 médicos que atuam em Santarém.

Conselheiros do CMS na AGE dos médicos de Santarém

Conselheiros do CMS na AGE dos médicos de Santarém

Além de relações trabalhistas, a assembleia elegeu os delegados para a Conferência Municipal de Saúde, que acontece em Santarém no final de junho e início de julho. Foram eleitos sete titulares e sete suplentes e discutidas algumas propostas a serem defendidas na Conferência, entre elas a criação do PCCR da saúde, construção do hospital materno-infantil e conclusão do hospital municipal. Para que outros médicos que estavam ausente da assembleia possam se manifestar, ficou definido o prazo até 29 de maio para que as propostas sejam coletadas e encaminhas ao Conselho Municipal de Saúde.

“É a primeira vez que se faz o sistema de pré-conferências com a ampla divulgação dos temas e subtemas, o que me parece um formato vitorioso”, disse o diretor Waldir Cardoso. A presidente do Conselho Municipal de Saúde, Conceição Menezes, e dois outros conselheiros participaram da Assembleia dos médicos e falaram sobre a conferência.

Além de participar da assembleia, ele teve uma audiência com o secretário adjunto de saúde de Santarém, Helvio Moreira Arruda levando os pleitos dos médicos à Sensa. Ainda como parte da agenda, Waldir Cardoso acompanhou a reunião do Conselho Municipal de Saúde ao lado do também conselheiro Junior Aguiar.

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará