WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Sindmepa Informa – 24.04.2015

0

 

MEDICINA EM MARABÁ

Nesta semana, notícias divulgadas pela imprensa revelaram a insatisfação de acadêmicos do curso de medicina da Universidade Federal do Pará em Marabá. Reclamam de falta de estrutura mínima para as aulas. De laboratórios improvisados e falta de materiais essenciais para as aulas. Esse é um exemplo clássico do que sempre criticamos. Não adianta ficar abrindo cursos de medicina sem ter o cuidado devido com a qualidade do ensino.

INTERDIÇÃO ÉTICA

Pela primeira vez na sua história, o CRM do Pará decreta interdição ética em unidades de saúde do Estado. Foram consideradas sem condições de atendimento as unidades de saúde do Paracuri I e II, em Icoaraci. Isso significa que médicos ficam impedidos de atender nessas unidades até que elas sejam liberadas pelo CRM para funcionamento. A decisão, mais do que acertada, veio após visita técnica realizada pelo órgão às unidades, quando foram detectados problemas que “comprometem a saúde da população e o desempenho ético-profissional dos médicos”. A ação do CRM só confirma as denúncias que o Sindmepa não se cansa de relacionar sobre condições de trabalho impróprias para a saúde de médicos e pacientes nas ESF de Belém. http://migre.me/pBxPz

AGE DOS PLANOS DE SAÚDE

No próximo dia 30, quinta-feira, teremos no Sindmepa a Assembleia geral da Comissão Estadual de Honorários Médicos (CEHM) que vai discutir a relação com planos de saúde e a CBHPM em vigor. Agora os planos serão obrigados a manter contratualização com reajuste anual. Vamos exigir a atualização dos valores pagos por consultas e procedimentos. É hora de parar de reclamar e agir. Médicos, sociedades e cooperativas de especialidades. Todos à assembleia no dia 30.http://migre.me/pBxT2

PCCR NO ESTADO E MUNICÍPIO

O Ministério Público do Estado decidiu comprar a briga dos médicos e exigir do governo do Estado e da Prefeitura de Belém a criação de Planos de carreira de médicos. Perceberam que não adianta investir somente na construção de hospitais e reforma de unidades se não investirem no material humano que é responsável por garantir a saúde da população. A promotora Maria da Penha Mattos Buchacra já ajuizou ação civil pública contra o governo do Estado obrigando a criação do cargo de médico em todas as unidades de saúde do Estado e também a criação da carreira de médico no Estado. Depois será a vez da PMB. http://migre.me/pBnNa

REUNIÃO COSEMPA

Na próxima terça-feira, 28, tem reunião do Conselho Superior de Entidades Médicas (Cosempa), no Sindmepa, às 12h. Estão na pauta da reunião os seguintes itens: reunião da CEHM e AGE com médicos e sociedades e Cooperativas de especialidades; e Informes sobre os Termos de Cooperação com a Alepa e a Câmara Municipal de Belém.

ESF SEM CONDIÇÕES

Participamos nesta semana de audiência no Ministério Público do Trabalho (MPT) onde tratamos das péssimas condições de trabalho a que estão submetidos médicos que atuam na Estratégia Saúde da Família em Belém. A promotora Cindi Ellou Lopes da Silveira, que nos recebeu em audiência, convocou também a Prefeitura de Belém, que não se dignou a mandar representante. Com tanto descaso, médicos da ESF estão em estado de greve há várias semanas. O caso parece não ter saída senão o movimento paredista. http://migre.me/pBoOd

AGE SANTARÉM

Médicos de Santarém se reúnem em Assembleia Geral na próxima quarta-feira, 29. Estarão em discussão itens como o exercício profissional em Santarém; eleição de Delegados à 13ª Conferência Municipal de Saúde de Santarém; e a eleição de delegados Sindicais do Sindmepa na cidade. Estará conduzindo a Assembleia pelo Sindmepa o diretor Waldir Cardoso. O tema da conferência municipal deste ano será “Saúde pública de qualidade com equidade” e acontecerá de 30 de junho a 03 de julho de 2015. Podemos indicar sete delegados titulares e sete suplentes para participar da Conferência.

REAJUSTE

O governo anunciou reajuste de 8,5% no salário dos servidores públicos estaduais neste mês de abril. Só para registrar: a categoria médica não foi chamada em nenhum momento para negociar qualquer índice de reajuste. Além de não consultados, estamos sendo embromados na discussão de criação do Plano de Cargos e Carreira do Estado. Fica a interrogação: quando o governador do Estado vai nos ouvir?

MÉDICOS DE MARABÁ

A criação de um Plano de carreira municipal para médicos concursados, melhorias das condições de trabalho e a distribuição igualitária de plantões no hospital municipal, pautaram a assembleia dos médicos de Marabá realizada ontem no prédio do CRM. O Sindmepa vai programar visita ao município para ouvir os colegas e a administração municipal sobre essas questões.

 

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará