WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Ação dá início à I Semana de Combate aos Acidentes com Escalpelamento no Pará

0

Com o objetivo de conscientizar e alertar barqueiros e trabalhadores da feira do açaí, porto do açaí e porto da palha de Belém quanto aos acidentes com escalpelamento, uma ação de panfletagem foi realizada nesses locais na manhã desta segunda-feira, 24. A atividade deu início à I Semana de Combate aos Acidentes com Escalpelamento na Modalidade Ribeirinha do Pará promovida pela Comissão Estadual de Erradicação dos Acidentes com Escalpelamento (CEEAE).

Uma extensa programação será realizada ao longo da semana nos municípios de Abaetetuba, Belém, Igarapé-Miri, Muaná, Portel e Oriximiná, locais onde ocorre a maior incidência de acidentes com motor. A campanha visa chamar a atenção da sociedade para este grave problema de saúde pública, bem como fortalecer a rede de prevenção e assistência a esse tipo de acidente.

P1090557

O diretor João Gouveia esteve presente na ação que visava conscientizar e alertar barqueiros e trabalhadores do local

De acordo com a representante da Sespa na Comissão, Socorro Silva, desde o início do ano já foram contabilizados oito casos de escalpelamento no estado, número que vem preocupando as entidades envolvidas. “No ano passado tivemos dez casos e já estamos no início do segundo semestre e o número de acidentes com escalpelamento já somam oito. Para nós da comissão a única forma de acabar com esse problema seria a punição dos proprietários das embarcações que deixam o eixo do motor exposto sem a devida proteção, o que leva à ocorrência dos acidentes”, relatou Socorro.

P1090553

Equipe da comissão estadual de combate ao escalpelamento distribuiu material aos barqueiros

O Sindmepa, que há mais de 20 anos participa de ações de combate a esse tipo de acidente e que também compõe a CEEAE, esteve representado na ação pelo diretor João Gouveia, que destacou a importância da conscientização como forma de evitar esse tipo de acidente. “Uma das maiores dificuldades está na falta de informação, e consequentemente na falta de prevenção. Os barqueiros costumam navegar livremente sem se preocupar com os cuidados que deveriam tomar”, ressaltou Gouveia.

No último dia 4, uma reunião foi realizada no Sindmepa com os membros da CEEAE, onde decidiram notificar por meio do Ministério Público e da Capitania dos Portos, os 72 municípios paraenses influenciados pela hidrovia do Pará a apresentarem cópias dos contratos de embarcações para prestação de serviços de transporte escolar indicando as embarcações e os condutores para serem fiscalizados. A medida é uma resposta da comissão ao aumento do número de casos desse tipo de acidente nos rios paraenses.

A programação segue até a próxima sexta-feira, 28, confira:

Dia 24 de agosto – segunda-feira

07 às 11h – Panfletagem

Local: Feira do Açaí (Ver-O-Peso), Porto do Açaí (Av. Bernardo Sayão), Porto da Palha (Av. Bernardo Sayão)

Dia 25 de agosto – terça-feira

07 às 17h – Palestra escolas públicas com distribuição de material educativo e ação de cobertura de carenagens;

Locais: Ilha do Combú (Belém) e Ilha do Maracujá (Acará)

Dia 26 de agosto – quarta-feira

07 às 17h – Mutirão de distribuição de material educativo nos portos/feiras, ação de cobertura de carenagens; roda de conversa nas escolas ribeirinhas com alunos e educadores

Locais: Abaetetuba, Muaná, Portel, Oriximiná

Dia 27 de agosto – quinta-feira

07 às 17h – Ação de Prevenção e Conscientização Pública da CEEAE com o Comitê Municipal de Combate ao Escalpelamento

Local: Igarapé-Miri

Dia 28 de agosto – Dia Nacional de Combate ao Escalpelamento

08 às 12h – Roda de Conversa com os envolvidos no combate aos acidentes de motor com escalpelamento.

Local: Centro de Inclusão Integrado de Cidadania – Av. Almirante Barroso (em frente ao Hospital Adventista de Belém)

08 às 13h – Exposição de pesquisas acadêmicas e de áudio visuais de ações de prevenção.

Local: Centro de Inclusão Integrado de Cidadania

08 às 13h – Curso de Capacitação em Tecnologias de saúde no uso de curativos industrializados no atendimento de urgência e emergência de lesões das vitimas de escalpelamento.

Local: Auditório do Centro de Inclusão Integrado de Cidadania

13h30 – Encerramento da Semana com Lançamento da Campanha Estadual de Erradicação dos Acidentes com Escalpelamento (Funtelpa)

Local: Centro de Inclusão Integrado de Cidadania

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará