WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Em Redenção, policial joga spray de pimenta em médico

0

Em Redenção, um caso extremo de abuso de autoridade policial contra um médico do Hospital foi registrado nesta semana. Ao se negar a assinar um exame de corpo de delito, o médico Alexon Pinheiro Rocha recebeu voz de prisão de um policial, teve spray de pimenta jogado em seu rosto, foi jogado ao chão e depois levado preso à delegacia. O médico só foi solto ao ter sua fiança paga por familiares.

Também em Redenção, no sábado, outro médico foi vítima do abuso de autoridade. Conhecido como dr. Portela, ele recusou-se a fazer a perícia e preencher o laudo pericial da vítima, sendo conduzido à delegacia. Como indicou que o cadáver deveria ser levado ao IML para perícia, sua opinião foi considerada abuso de autoridade.

O Sindmepa levantou informações sobre o caso e, mediante a anuência dos médicos que foram vítimas desses abusos e violência, pode entrar com medida judicial contra os atos dos policiais. Já há outros casos semelhantes em andamento, como um ocorrido em Alenquer com o médico Francenildo Sena, que sofreu abusos semelhantes http://127.0.0.1/mp-se-preocupa-com-violacao-de-direitos-de-medicos/.

Sobre o assunto, o Sindicato recomenda aos médicos que sigam os procedimentos sugeridos pelo assessor jurídico Eduardo Sizo no documento nomeado como “Orientação aos médicos perito Ad hoc”, publicado em nosso site no link:  http://migre.me/rWZAb

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará