WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Sindmepa Informa – 06.12.2015

0

Sindmepa Informa – coluna do Sindmepa publicada aos domingos no jornal Diário do Pará. Tudo sobre a saúde no estado você vê aqui.

 

DE VOLTA AO MPT

Voltamos ao Ministério Público do Trabalho esta semana para discutir as cláusulas impostas pela Pró-Saúde em edital publicado visando a contratação de médicos para o Hospital Oncológico Infantil. Mesmo oferecendo salários irrisórios, a O.S. garantiu ao promotor de justiça que não tem interesse em contratar ninguém via pessoa jurídica, o que soa estranho. O Sindicato já havia alertado o MPT sobre as ações de constrangimento e coação de médicos para constituírem Pessoa Jurídica para atuarem no novo hospital. Foi fixado um prazo de dez dias para que ambas as partes exponham seus interesses por escrito para se tentar chegar a um acordo.

AUDIÊNCIA ZENALDO

Em audiência com o prefeito de Belém, nesta semana, levamos as mesmas queixas dos médicos da Sesma com relação a condições de trabalho e remuneração nos hospitais e unidades de saúde do município. No Guamá, os problemas de sempre continuam rondando a equipe que atende a grande demanda. Faltam coisas básicas como luvas cirúrgicas, roupas de cirurgia e medicamentos. Zenaldo anotou tudo como bom político que é e disse que vai mandar sua equipe repor. Deu a boa notícia de que os plantões extras serão reajustados anualmente a partir de 2016 e garantiu que inaugura o PSM da 14 no aniversário de Belém, apesar da “torcida contra”. Tomara que consiga. Pelo bem da Belém 400 anos.

FMB EM AÇÃO

O médico paraense, Waldir Araújo Cardoso, primeiro presidente da recém-criada FMB, reuniu-se em Brasília com o presidente da Confederação Nacional das Profissões Liberais, Carlos Alberto Schmitt. Na conversa, agradeceu o apoio da CNPL à nova Federação, ressaltou a disposição da entidade em se abrir para o diálogo e pautas que envolvem a saúde no País, estabelecendo parcerias e abraçando demandas que visem o fortalecimento do SUS.

PARTO NORMAL

A Justiça Federal determinou que a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) obrigue planos de saúde a pagar três vezes mais a obstetras pela realização de partos normais. Apesar de polêmica, a medida é um esforço para se reduzir o número de cesáreas na rede particular de saúde no Brasil, país com a maior taxa de cesáreas no mundo.

ANESTESIOLOGISTAS EM GREVE

Médicos anestesiologistas de Ananindeua ameaçaram entrar em greve esta semana. Foi um basta à dívida de quase um milhão de reais que a Secretaria Municipal de Saúde de Ananindeua (Sesau) acumula desde dezembro de 2014 com a Coopanest, a cooperativa dos anestesiologistas do Pará. Várias tentativas de negociação foram feitas com a secretaria, porém sem sucesso. Foram chamados ao acordo.

SOPAPE

A diretora do Sindmepa, Vilma Hutim, assumiu a presidência da Sociedade Paraense de Pediatria (Sopape). A posse da nova diretoria da sociedade, para o triênio 2016-2018, ocorreu esta semana durante uma série de congressos com temas voltados à saúde da criança. Outra diretora do sindicato, Leucy Paz, também integra a nova diretoria da Sopape. Sucesso às colegas no novo empreendimento.

DIEESE NACIONAL

Nesta semana, nosso diretor João Gouveia participou, em São Paulo, representando o Dieese/PA, da reunião da diretoria sindical nacional do Dieese, assembleia nacional de sócios e seminário internacional sobre A Centralidade do trabalho nas políticas públicas e no desenvolvimento do País. Esteve também nas solenidades de comemoração aos 60 anos do Dieese.

 

 

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará