WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Demissão e readmissão de médico do PSM Guamá indica descontrole da gestão

1

O afastamento do médico Jessé Soares de suas funções do Pronto Socorro do Guamá e outras unidades de saúde do município por conta das denúncias feitas por ele em relação às péssimas condições de atendimento no Pronto Socorro mostram mais uma vez a falta de controle da gestão municipal.

Jessé confirmou hoje ao Sindmepa que foi demitido pelo diretor clínico do hospital por volta das 18 horas de ontem, coincidentemente no mesmo dia em que médicos cansados de pedir providências à gestão promoveram um ato de protesto na frente daquele estabelecimento.

10329881_840639652673517_8784790790705315401_o

Duas horas depois, o próprio prefeito Zenaldo Coutinho ligou para o médico para readmiti-lo e dizer que não haverá retaliações. Jesse, cuja história de determinação foi parar em reportagem na televisão, denunciou em seu perfil no facebook, no sábado, o desespero por ter a vida de pessoas nas mãos e não ter como impedir que viessem a óbito.

O Sindmepa lembra que o diretor clínico do Hospital foi nomeado de forma irregular, diferente do que prevê o Conselho Federal de Medicina (CFM). “O caso foi um bom exemplo para reafirmarmos que não vamos admitir retaliações contra quem denuncia esse estado de coisas e ainda que vamos providenciar a eleição do diretor clínico do hospital, segundo resolução do CFM, que prevê a indicação do diretor clínico pelo corpo clínico da instituição”, afirma o diretor administrativo do Sindmepa, João Gouveia.

#saúdepedesocorro

1 comentário

  1. ANTÔNIO VIEIRA SOARES NETO on

    Prefeito Zenaldo:respeito é bom e os médicos gostam .Sua decisão de manter o colega no posto ,
    foi no minimo prudente .

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará