WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Sindmepa Informa – 24.04.2016

0

COMISSÕES

A representação do Sindmepa no Conselho Estadual de Saúde vai compor duas comissões: a Comissão permanente de acompanhamento da gestão estadual de saúde, sendo indicado o diretor João Gouveia; e a mesa permanente de negociação do SUS, para a qual foi indicado o diretor José Martins. Na distribuição de conselheiros por área, João Gouveia ficou na Região Metropolitana I e José Martins na região 9, que abrange a região do Tocantins.  A Comissão de acompanhamento da gestão dá parecer sobre Plano Estadual de Saúde, Programação anual de saúde e o relatório anual da gestão. Muito trabalho à vista.

AGE CORTES

Para se adequar à lei de responsabilidade, o governo do estado promoveu cortes que atingem em cheio a categoria médica. Calculamos que mais de mil médicos receberão suas remunerações abaixo do que esperavam já neste início do mês de maio, sem qualquer aviso prévio do governo, que desfez unilateralmente acordo celebrado com a categoria para pagamento da Gratificação de Alta Complexidade. A situação é grave. Além de não ter dado qualquer reajuste, o estado promoveu cortes que chegam até a 50% nas remunerações. Estamos convocando médicos da Sespa para uma Assembleia Geral Extraordinária amanhã, às 19h, no Sindmepa.

UPA ICUÍ

Médicos que trabalham na UPA do Icuí denunciam a falta de medicamentos básicos para atendimento e a falta de conserto de um cilindro de oxigênio quebrado há meses. O sindicato entrou em contato com o secretário de Saúde de Ananindeua que garantiu que o cilindro de oxigênio será consertado em breve e também está providenciando a compra dos remédios. Os médicos vão deliberar se haverá triagem com atendimento somente dos casos mais graves.

(DES) HUMANITAR

Já está devidamente protocolada no CRM e também no Ministério Público do Trabalho denúncia contra a empresa Humanitar Serviços Médicos Ltda, contratada pela Secretaria de Saúde de Marabá para prestação de serviços médicos de urgência e emergência, sem ser observada a legislação trabalhista. A Humanitar tem atuado irregularmente ao contratar médicos sem vínculo empregatício, com valores de plantões irrisórios e prática de assédio moral.

COMEPA MED

E por falar em empresa irregular, está se instalando em Belém mais uma FALSA cooperativa que contrata profissionais por serviços prestados para atendimento de urgência e emergência. Esta é uma prática totalmente condenada pela legislação trabalhista e o Sindmepa, pela falta de vínculos empregatícios e, consequentemente, ausência de direitos trabalhistas e que deve ser repudiada pelos colegas.

VIDA MELHOR

Mais uma empresa intermediadora chegou ao Pará. A Vida Melhor, que propõe cartão de convênios aos médicos com preços vis. O usuário vai ao consultório, apresenta o cartão e somente depois o médico vai receber. Sabe-se lá quando. Para quem se lembra, é o mesmo esquema proposto pela Previne Saúde, que faliu deixando grandes prejuízos à categoria.

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará