WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Sindmepa Informa – 28.08.2016

0

IASEP

O Sindmepa vai recomendar definitivamente a saída dos médicos que prestam serviço ao Iasep, o Instituto de Assistência do Servidor Público do Pará. Depois de mais uma reunião infrutífera no Ministério Público, o governo não acenou com qualquer solução para os atrasos de pagamentos de plantões, que já passam de seis meses. A única solução que o estado tem apontado é o aumento do desconto do servidor ao Iasep, mas isso vai de encontro aos interesses da categoria que não concorda com tal medida. Para não aumentar ainda mais o prejuízo, vamos recomendar que saiam do plano. Paciência tem limite.

O STF E A CORRUPÇÃO

O Supremo Tribunal Federal decidiu que somente a câmara de vereadores poderá tornar inelegível um candidato prefeito que teve suas contas de governo ou gestão rejeitado por um tribunal de contas. Os corruptos agradecem penhoradamente. A Lei da Ficha Limpa foi para o espaço e se transformou em Lei da “Ficha-Suja”. A pergunta é: para quê tribunais de contas? Melhor acabar e economizar as sinecuras destes tribunais, na sua maioria constituídos por ex- políticos fichas suja. Está difícil.

HAP MORTE

O Hapvida lidera o ranking de operadoras com maior débito junto ao SUS: 40 milhões por procedimentos que deveriam ter prestado aos seus usuários, mas jogaram ao Sistema Único. Somado a isso, a exploração da mão de obra dos prestadores de serviço, em especial dos médicos, explica os bons investimentos da empresa em serviços próprios. Enganando dos dois lados. É de morte.

ORTOPEDISTAS NO SUS

Mais uma vez, por intermediação do Sindmepa, e determinação dos colegas, a Sespa manteve o pagamento diferenciado – mesmo que não represente muita coisa pela defasagem da tabela do SUS – aos ortopedistas que atendem no setor privado, até dezembro deste ano. Uma vitória da coerência para não haver prejuízo aos já sofridos usuários do SUS.

PEC DO MAL

A PEC 241/2016, que institui o novo regime fiscal para vigorar nos próximos 20 anos, atinge duramente os trabalhadores públicos com congelamento de salários, admissão de pessoal, alteração na estrutura da carreira, realização de concurso público e outras maldades. Enquanto isso, o Judiciário, Legislativo e o Executivo nadam de braçadas nababescamente com o dinheiro arrecadado por nossos impostos. Temos de dar um basta nesta situação de sempre punir os trabalhadores pelos desmandos desta raça.

PPI 2010

Desde 2010 que a revisão anual das diretrizes estratégicas e operacionais da Programação Pactuada Integrada (PPI) não é realizada, englobando os municípios e o estado. O assunto foi pautado pelo Sindmepa no CES e, pasmem, descobrimos que não está sendo feita de forma sistemática por falta de instrumento de tecnologia e informática, desativado pelo MS. Hoje é realizada através de portarias e resoluções, virando uma colcha de retalhos, reflexo dos retrocessos que acontecem no SUS. O assunto será levado ao CNS e MS para uma solução deste importante instrumento de gestão.

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará