WhatsApp: (91) 98895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386

Sindmepa Informa – 17.01.2021

0

MAIS PERDAS
Mais sete vidas de médicos perdidas para a pandemia da Covid 19 nos três últimos meses no estado acende a luz vermelha sobre a gravidade da situação. Após meses sem registros de óbitos, tivemos um em novembro, três casos em dezembro e outros três neste mês, totalizando já 57 mortes de médicos por Covid 19 no Pará. É preciso uma investigação rigorosa para se saber como e onde esses profissionais se infectaram e se houve negligência em relação a equipamentos de segurança.

CARTA AO CFM
E diante de tantas perdas provocadas pela pandemia, esta semana ex-presidentes do Conselho Federal de Medicina (CFM) e outros ex-Conselheiros Federais, criticaram duramente a omissão do CFM diante da tragédia provocada pela Covid 19 no país. “Conclamamos o CFM a que se manifeste publicamente em defesa da vida da nossa gente; em defesa do exercício de nossa profissão; e em defesa dos milhares de médicos e médicas, bem como de seus companheiros das equipes de saúde, que estão cumprindo os seus deveres profissionais e arriscando suas vidas”, diz a Carta aberta ao CFM. Os médicos querem que o CFM se manifeste claramente em defesa da vacina, do distanciamento social, da higiene pessoal e o uso de máscaras para prevenir a contaminação pelo novo coronavírus e o contra o uso de medicamentos sem comprovação científica para tratar a COVID-19.

JANEIRO BRANCO
Este ano a campanha Janeiro Branco teve que se reinventar e com uma missão ainda mais forte: alertar as pessoas sobre os cuidados com a saúde mental em um ano onde as pessoas foram obrigadas a ficar reclusas em suas próprias bolhas sociais. A campanha precisou adaptar as ações presenciais e usar a tecnologia para fazer o bem, alcançando pessoas a partir de lives ou palestras online, rodas de conversa por videoconferência, tira-dúvidas virtuais, além de postagens diárias nas redes sociais. Uma iniciativa que tem todo nosso apoio.

NOVO PARCEIRO
O Sindmepa firmou parceria com o IEFAP – Instituto de Ensino, Formação e Aperfeiçoamento Ltda, uma Instituição de ensino que oferece cursos de aperfeiçoamento profissional e de Pós-Graduação. Com a parceria, os médicos podem cursar a Pós-Graduação em Medicina do Trabalho ministrada pela Uningá – Centro Universitário Ingá de Ensino Superior, reconhecida pelo Ministério da Educação, com descontos especiais. Médicos associados e seus dependentes contam com 26% de descontos. Para mais informações: (44) 98813-1364

SESMA
O Sindmepa enviou ofício à Sesma na quarta-feira, 13, solicitando providências sobre a denúncia feita por médicos da UPA da Terra Firme referente ao pagamento de plantões com valores anteriores à pandemia. A responsável pelo pagamento dos plantões é a empresa terceirizada Qualimed, porém o valor pago no período de 16 de outubro a 15 de novembro não obedeceu ao Termo de Ajustamento de Gestão, firmado entre o Tribunal de Contas dos Municípios, Ministério Público de Contas dos Municípios do Pará, município de Belém e Sesma, com a interveniência do MPE e do Sindmepa. Pelo acordo, médicos na linha de frente da Covid 19 devem receber valores diferenciados, com a possibilidade de receber acima do teto constitucional durante a pandemia.

ANUIDADE
Médicos associados ao Sindmepa que efetuarem o pagamento antecipado da anuidade terão descontos especiais. Pagamentos feitos até o dia 1° de fevereiro terão 10% de desconto no valor total. Caso não consigam atender a data prevista, os pagamentos feitos até o dia 1° de março contam ainda com 5% de desconto; já a partir do mês de abril será cobrado o valor integral. Médicos residentes têm 50% de desconto no valor da anuidade. O boleto já foi encaminhado aos médicos por meio do e-mail cadastrado no Sindmepa e está disponível em: http://sindmepa.consir.com.br/index.php

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará